Home | Destaque | Fazer brinquedos não é brincadeira! Dicas da Delicale

Fazer brinquedos não é brincadeira! Dicas da Delicale

Artista plástica, designer e ilustradora. Esses são alguns dos muitos talentos da Alessandra Mattos, da Delicale, que além de tudo é “bonequeira” e bordadeira de mão cheia.

Ela resolveu compartilhar com os Elosetters dicas preciosas de como produzir bonecos de maneira segura e eficiente. Sua loja possui esses produtos? Se ligue nas dicas!

As bonecas e bichinhos de feltro ou tecido que confecciono são enfeites e peças decorativas. Quando se trata de confeccionar uma boneca ou algo para criança e bebês, já podemos considerar o produto como um “brinquedo”, pois ele irá manusear, colocar a boca, morder, e se entreter por algumas horas, mesmo que seja apenas uma almofadinha.

Até um produto artesanal feito a mão deve atentar pela qualidade e segurança do brinquedo. Quem costura algo que será dado a uma criança tem que ter consciência e se responsabilizar de que será adequado à idade e ao manuseio, sem nenhum risco para a criança.

Estudei e pesquisei o assunto, e esses são alguns cuidados que tomo e gostaria de passar aos outros artesãos que trabalham com brinquedos:

  1.  Sempre lave todos os tecidos e feltros que utilizar. Por questão de higiene, para não encolherem após o cliente lavar e para não mancharem soltando tinta. Uso sabão anti-alérgico que não deixa resíduos, cloro ou cheiro forte. Sabão para lingerie e sabão para roupas de bebê são uma ótima opção.
  2. Opte por tecidos 100% algodão. Cuidado com sintéticos ou tecidos misturados. Não utilizo o linho em nada para crianças, pois a fibra da planta do linho é a mesma família da urtiga, podendo causar alergias.
  3. O enchimento deve ser de excelente qualidade e anti-alérgico (certifique-se disso com o revendedor), pois mesmo dentro da peça pode pinicar, causar alergia, ser reduto de ácaros, machucar e até arranhar a pele da criança se for misturado com fibras de plantas.
  4. Enchimentos com ervas (tipo lavanda, camomila, etc.) têm prazo de validade! Fechado dentro da peça, no escuro e em contato com a umidade e o calor da mão ele cria fungos após alguns dias! Não recheie nada com ervas pra crianças.
  5. Peças pequenas como botões, enfeites, miçangas, canutilhos, adornos pregados, nem pensar! Existem olhos de segurança (com tarrachas internas) e os olhos pintados (ou bordados) em tecido são uma boa opção.
  6. Para crianças com menos de 4/5 anos não pode ter nada que ela possa morder, arrancar, tentar puxar ou que possa se soltar, causando risco de vida. Uma amiga minha ganhou uma linda almofada em patchwork com flores de fuxico arrematadas com miçangas, e colocou no bercinho de sua bebê. De manhã uma das miçangas havia entrado no ouvido da criança! Ela ligou para a artesã (depois de voltar do PS), que super chateada com isso jurou nunca mais colocar miçangas em peças infantis. Ela pediu sinceras desculpas, porque jamais havia pensado que isso poderia ocorrer mesmo dando vários nós com linha forte nas miçangas. Esse é apenas um exemplo, existem muitos casos assim.
  7. O enchimento tem que estar muito bem costurado, não pode sair de dentro da peça por nenhum buraquinho ou costura aberta. Ele pode causar sufocamento se inalado ou engolido. Cabelos de lã também são reprovados em testes de brinquedos, uma famosa boneca com uma trança grossa de lã foi identificada como passível de sufocar uma criança pequena.
  8. Bracinhos, perninhas, sapatos, roupinhas, babados, bolsinhas, laços, enfim, deixe sempre muito bem pregados. Não utilize cordões que a criança possa tirar ou puxar, enrolar no dedo, na mãozinha ou dar um nó, machucando a criança. Tenha cuidado com alfinetes, grampos ou agulhas, para não esquecer dentro das peças. É impressionante a quantidade de relatos que existem disso!
  9. A boneca, boneco, bichinho ou brinquedo dever ter uma identificação. Sempre coloque uma etiqueta com o nome/marca e site da artesã que confeccionou a peça. A etiqueta não é só um enfeite, ela é uma assinatura que auxilia o cliente a encontrar a pessoa que a costurou para encomendar mais, indicar a amigos e também para reclamar de algo que não gostou no produto – e você deve ficar atenta a estas reclamações para melhorar as suas peças e trazer novidades para os clientes.

 

Seja responsável, seja sensata e certifique-se de está oferecendo ao seu cliente algo que daria nas mãos de seu próprio bebê ou criança.

Fazer bonecas e bichinhos artesanais é uma delícia para todas as artesãs, e fazê-los para crianças não é brincadeira! Esses são alguns itens dos cuidados que tomo, espero que possa auxiliar na confecção das peças para crianças dos Elosetters.

Continuo pesquisando esse assunto para levar sempre alegria e aconchego sem perigo!

Beijos, e bom artesanato a todas vocês!
Alessandra – Delicale

Sobre Elo7

Somos um time que é apaixonado por tudo que é criativo e feito à mão. Aqui no blog, trazemos dicas diárias para inspirar e ajudar no seu negócio criativo! Também organizamos oficinas e encontros em todo o Brasil. Conheça o Elo7!

Veja mais posts deste autor.

15 comentários

  1. Alineflorarte

    Amei as dicas. Mesmo tomando todos os cuidados , com certeza fazer arte para criança requer muito mais atenção. Obrigada. Beijs

  2. Alineflorarte

    Amei as dicas. Mesmo tomando todos os cuidados , com certeza fazer arte para criança requer muito mais atenção. Obrigada. Beijs

  3. Alineflorarte

    Amei as dicas. Mesmo tomando todos os cuidados , com certeza fazer arte para criança requer muito mais atenção. Obrigada. Beijs

  4. sou super fã da Alessandra, do trabalho dela, admiro muito o cuidado e responsabilidade dela com o trabalho… fica a dica e o exemplo pra todas que trabalham com itens de bebês e crianças…bjs

  5. A proposta é muito boa, até porque depende muito de dedicação e carinho na elaboração dos projetos dos brinquedos. O artesanato cada vez melhor!!!

  6. Atelie Dpaula

    adoreiiiiiiiiiiiiii

  7. Adorei tudo! Como também sou professora sei da importância de tantos cuidados na confecção de brinquedos e materiais pedagógicos para a criançada. Parabéns!!!
    Um grande abraço
    Alessandra

  8. Glormanglaize31

    Amei tb muito as dicas… obrigada e tenha uma excelente semana. bjus

  9. Adorei as dicas, temos que ter consciência que estamos lidando com crianças, é uma vida!
    Parabéns!!!

  10. Adorei as dicas, temos que ter consciência que estamos lidando com crianças, é uma vida!
    Parabéns!!!

  11. Adorei as dicas, temos que ter consciência que estamos lidando com crianças, é uma vida!
    Parabéns!!!

  12. NOSSA QUE MARAVILHOSA IDÉIA E ATITUDE DE RESPONSABILIDADE!!! QUE AS LOJINHAS DE 1,99 NÃO TEM ! PARABÉNS!

  13. Eu adorei as dicas! Adoro fazer um artesanato de vez em quando rs.
    Acho que principalmente no caso dos brinquedos os cuidados devem ser ainda maiores.
    As crianças precisam ter todos os cuidados do mundo não é mesmo?
    Parabéns pelo trabalho e pelas dicas. Adorei a iniciativa!
    O mundo precisava de mais pessoas como você, que se preocupam com as nossas crianças.
    Beijos, Carol.

  14. Eloiza helena dias de matos affonso

    Muito esclarecedor o artigo estou procurando sites que ensinem a confecçao desses brinquedos para no futuro fazer e oferecer em insntituiçoes infantis e me preocupo com segurança. Obrigado pelas dicas

  15. Adorei as dicas, Alessandra, pois estava pensando em confeccionar alguns bonecos de amigurumi e adorei as dicas em relação aos olhos de segurança e ao enchimento das peças.
    O ponto que foi colocado de colocarmos uma etiqueta no produto eu já faço isto, pois como confecciono touquinhas em crochê, na etiqueta há, além da minha logo e endereço, um aviso para que o bebê nunca fique sozinho com o produto, que tenha sempre a supervisão de um adulto, pois a maioria contém botões, tranças, fitas e enfeites, que podem ser prejudiciais ao bebê.
    Obrigada!
    Beijos.
    Marcia :-)