Home | Gente que Inspira | Entrevista | A atividade para relaxar se tornou nova carreira

A atividade para relaxar se tornou nova carreira

joias

Meu nome é Juliana e minha marca de semijoias é a Juliana Higasi. São peças criadas e produzidas com técnicas de joalheria artesanal. De formação, sou técnica em Processamento de Dados, formada em Arquitetura & Urbanismo pela Universidade Mackenzie. Trabalhei por um bom tempo na área de Arquitetura Corporativa e agora finalmente me encontrei como Designer de Joias. É minha paixão!  Minha atividade para relaxar se tornou  uma nova carreira.

Sou típica Sagitariana: estabanada, sarcástica, amiga de todos, imediatista, amo viajar e me divertir! Mas também muito responsável e empreendedora. Sou nascida e crescida em São Paulo, capital paulistana, com ascendência japonesa e tenho orgulho de ter passado uma temporada no sul da Bahia.

semijoia

Criação da loja online

Escolhi o Elo7 como e-commerce porque apesar de criar e produzir, precisaria de um canal de vendas para as minhas peças e o ideal seria vender pela internet pois teria total autonomia. Além disso, a proposta  do fazer manual que o Elo7 defende, tem muito a ver com o meu conceito de produção.

Criatividade reprimida

No dia a dia com arquitetura, costumamos dizer que o trabalho era 1% de inspiração e 99% de transpiração! A realidade nos escritórios de arquitetura é dura e a criação é praticamente deixada de lado, ainda mais, no meu caso, ao trabalhar com Gerenciamento de Projetos. Para minimizar a pressão e o estresse, comecei a fazer um curso de joalheria após o expediente.  Sempre gostei de criação e de trabalhos manuais e era, então,  no curso, que eu me desligava do mundo e fazia o que realmente gostava. Aquilo que começou como hobby virou profissão, e hoje posso afirmar  que “Amo o meu trabalho”!

O ateliê de joias

Meu ateliê é uma bagunça organizada, afinal, costumo dizer que mesa arrumadinha é sinal de falta de trabalho. A minha bancada é uma desordem constante, mas consigo achar tudo o que preciso. ;) Para esse ano, tenho como meta torná-lo um ambiente gostoso e agradável. Veremos!

atelie

Na rotina da loja, participo de praticamente todas as etapas: criação, produção, administração, vendas, comercial e controle de estoque. A única etapa da qual não participo, e terceirizo, é a galvanização, que nada mais é que o processo de banhar as peças.

E apesar de interagir em todo o processo, assumo que tenho uma etapa favorita: receber as peças do banho, abrir os saquinhos e verificar como as peças ficaram prontinhas. Verifico uma a uma para garantir a qualidade das mesmas. Depois, gosto muito de fotografar cada uma para a loja e portfolio.

brincos

Obstáculos do segmento

Hoje percebo algumas dificuldades em minha área: encontrar cursos, fornecedores de insumos e serviços, equipamentos. Migrei da produção de joias para semijoias com minha própria experiência e know-how. Estou em constante busca por novas técnicas e materiais que possa utilizar no processo de criação x produção.

As vendas também requerem muita energia, uma vez que não tinha experiência com administração, mas aos poucos fui compreendendo o gerenciamento.

Alegria do trabalho autônomo

É muito bom ter o próprio negócio. Hoje não me vejo trabalhando com outra coisa! Poder gerenciar meu tempo conforme minhas necessidades é fantástico. Independência profissional não tem preço, mas, ter o próprio negócio, exige muito tempo, dedicação, disciplina, paciência e persistência. Trabalho muito mais do que antigamente: aos sábados, domingos, feriados, férias ( O que é isso mesmo ?) e minha rotina… Ah, não tenho rotina, e acho que é isso mesmo que eu adoro.

perolas

Design acessível

Sempre tive a ideia de que todas as pessoas deveriam ter acesso ao design com preço justo. É uma pena que no Brasil, devido a tantos encargos o preço final do produto acabe não sendo tão acessível. Tenho a expectativa de que minha marca cresça de maneira positiva e estruturada e que em um futuro próximo eu consiga colocar em prática um ideal que tenho há tempos, de trabalhar junto a comunidade carente, profissionalizando pessoas e gerando oportunidades de trabalho.

Caminho rodeado de bons amigos

Apesar do começo difícil, da decisão por largar a arquitetura (quem sabe que apenas por um período?) e de alguns percalços, só tenho a agradecer pelas oportunidades e pelas pessoas maravilhosas que tenho conhecido ao longo deste novo caminho criativo. Digo que sou abençoada por estar cercada de amigos fantásticos e da minha família que sempre me apoiaram.  Tenho que aproveitar o espaço para agradecer amiga Cris Comerian, verdadeira irmã de coração.

Agradeço a oportunidade de contar um pouco da minha história e espero que possa servir de inspiração para que outras pessoas sigam atrás dos seus sonhos. Basta acreditar e seguir seu coração!

bool(false)
Com antena ligada para novidades e tendências 7 dias por semana, paulistana vivendo em Ilhabela, é produtora de conteúdo criativo freelancer há seis anos, formada em Publicidade e Propaganda na ECA-USP, com especialidade em mídias digitais pela FGV. Autora do blog Colacorelinha , redatora do Blog do Elo7, gerenciadora de marcas na web e fã convicta de suculentas e sua força.

Veja mais posts deste autor.