Home | Gente que Inspira | Entrevista | Lojista em destaque: Thais, da Thais_Sguillaro

Lojista em destaque: Thais, da Thais_Sguillaro

thais1

Muito prazer, sou Thais Sguillaro, criadora de joias da marca que leva o meu nome!

Sou paulistana e me considero apaixonada por São Paulo. Mas há quatro meses resolvi mudar de ares e viver no Chile para aprender novas técnicas da joalheria contemporânea, além de estudar a língua espanhola. Fui em busca de viver inserida em uma cultura diferente e resgatar a minha essência para encontrar o que realmente toca a minha alma. Um exercício diário que é o auto-reconhecimento. Afinal, quando estamos “sozinhos”, longe da família, amigos e da nossa cultura, tudo parece mais aflorado. Tudo fica intenso. São mesmo o novo e o desconhecido que têm me conquistado!

Novos rumos, novos ares

Há aproximadamente 1 ano e meio troquei a publicidade pelo desenvolvimento artesanal de joias. Frio na barriga. Pesquisas. Horas de bancada. E muito aprendizado para iniciar um novo projeto. Inspiração? O mundo da música e seus símbolos. E as primeiras peças: fragmentos de instrumentos de cordas. Já para os materiais escolhidos: prata 950 e borracha. Para fechar, as técnicas: primárias da joalheria. Peças simples, bidimensionais, criadas com conceito e significado foram o resultado! Acredito que esse seja o resumo das minhas primeiras coleções: _cordas e _semântica.

thais2

Fiz um curso particular em São Paulo e mudei para Santiago exatamente para aprender novas técnicas. Foram quatro meses de estudo e um olhar diferente sobre a joalheria. O conhecimento e a referência são demasiados importantes para nossa criação. E o compartilhar é, sem dúvidas, significativo e só tem a somar no nosso dia-a-dia. Conheci professores e pessoas incríveis que quero levar pra sempre comigo!

O começo da jornada

A marca Thais_Sguillaro nasceu há um ano! Então, prefiro encarar as dificuldades como desafios. Começar do zero uma marca e um novo ofício requer paciência, muito estudo e dedicação (além do investimento financeiro, da identidade da marca – que foi idealizada pelo amigo e profissional Bruno Chimentti – é um pacote que precisamos afinar com frequência!). E acredito que estou só no início de uma grande jornada.

thais3

Dia a dia de bancada

Tem peças que faço todas as etapas: criação, produção e finalização. E outras que terceirizo a produção e finalização.  Cada peça que crio tem seu processo peculiar em que todas as etapas revelam uma nova descoberta, seja de pesquisa, de técnica de aprendizado, de uma finalização inesperada! Sentar na bancada e deixar fluir é mágico. Pensar no conceito de cada uma delas me instiga e ver o resultado final no corpo do consumidor é satisfatório.

Tenho duas peças favoritas: as Palhetas e o colar Pausa. Música e Silêncio! Que é o que vivo hoje: uma composição da minha trajetória na área da joalheria, com muitas notas por vir em meio a pausas significativas. Também valem as peças sob encomenda, sempre desafiadoras.

Hoje, posso afirmar que estou numa relação de amor com peças negras e envelhecidas. E estudando uma nova coleção.Vivo num processo itinerante! Meu ambiente de trabalho é minha casa, é a rua, é a casa dos amigos. É onde vejo inspiração e referências para novas peças. Estou tempo integral no trabalho “joias”. É uma extensão do projeto-vida. O tempo todo – e tudo – passa a ser referência e inspiração.

thais

Boas metas

Agora tenho a meta de voltar a estudar e me especializar em uma área que agregue valor a esse projeto de vida.  E minha pequena que concilio entre viagens é uma gata-fofa chamada Lilica.

Fazer o que você ama e o que toca a sua alma é uma sensação indescritível. Uma conquista. Acredito que ainda tenho muito a aprender, mas com a certeza de que estou no caminho certo. É a minha principal fonte de renda! Mas sempre que é possível, concilio trabalhos temporários na área de comunicação.

palhetas

Encontros que apontam o caminho

O curioso dessa história toda e o que me emociona é que só aos 31 anos descobri que meu avô, protético dentário de profissão, tinha o hobby de criar joias para a minha avó, que era pianista formada. Eu e meu avô sempre tivemos uma forte ligação até meus 11 anos de idade quando ele faleceu. E foi só aos 31, que ao sentar pela primeira vez numa bancada e produzir um anel, descobri esse ofício que não imaginava ser capaz e que sempre esteve presente, mas que não havia sido despertado até então! Foi quando uma amiga designer de joias, Marília Fontana, me convidou para conhecer de perto esse novo mundo e tive a oportunidade de aprender e lançar a minha marca no mercado. Em seu Atelier conheci a também designer Lisa Saito que foi minha maestra.

De lá pra cá, vivo joalheria! Vem me fazer uma visita e conhecer de perto minhas peças? Essa é minha loja. Sejam muito bem-vindos!

bool(false)
Com antena ligada para novidades e tendências 7 dias por semana, paulistana vivendo em Ilhabela, é produtora de conteúdo criativo freelancer há seis anos, formada em Publicidade e Propaganda na ECA-USP, com especialidade em mídias digitais pela FGV. Autora do blog Colacorelinha , redatora do Blog do Elo7, gerenciadora de marcas na web e fã convicta de suculentas e sua força.

Veja mais posts deste autor.

2 comentários

  1. Maria de fatima leite suprimio

    Que bacana, quando leio essas coisas de pessoas como vc que toma decisoes assim, parabens e que Deus ilumine seus caminhos.

  2. Como é bom ler histórias como a tua. Marcela desejo q encontre a inspiração q está buscando no chile.susseso.