Home | Negócio Criativo | Desenvolva seu Negócio | Formalizar parcerias: acerte na hora da escolha

Formalizar parcerias: acerte na hora da escolha

Você já pensou em formalizar parcerias com o seu negócio criativo? É muito comum que em meio a tantas tarefas tocando a “empresa do eu sozinho” (aquela em que somos ao mesmo tempo o departamento financeiro, o comercial, a produção, a distribuição e todo o resto), a gente acabe formando parcerias sem pensar muito se os resultados serão positivos ou não. Me responda com honestidade: você já se sentiu meio usado em algumas ações que acabaram beneficiando somente o seu parceiro?

Formalizar parcerias

É bem comum aos criativos receber convites para formalizar parcerias em troca de visibilidade e divulgação, o tal do “me dá o seu produto (ou serviço) que eu te dou o reconhecimento dos meus seguidores”, principalmente se o proponente possuir muitos seguidores, clientes e uma audiência engajada, o que pode fazer a proposta parecer bem interessante. É importante que, antes de formalizar parcerias, você avalie alguns pontos para não perder tempo e dinheiro investido.

Como formalizar parcerias de sucesso

Questione

Uma boa conversa direcionada com poucas perguntas pode revelar se as intenções do talvez futuro parceiro são realmente boas ou se, por acaso, você está prestes a atender apenas a necessidade dele. Não há nada pior do que sentir e descobrir ações interesseiras ao invés de interessadas. O primeiro grande cuidado é observar se a parceria será realmente no formato ganha-ganha.

Pergunte, por exemplo: Por que você acredita que meu produto (ou serviço) é interessante ao seu público? Quanto você acha que poderia agregar em novos cadastros ou vendas para a minha empresa? Você já fez outras parcerias desse tipo? Quais foram os resultados?

Formalize

Se o papo foi legal, a conversa rendeu e você se identificou com o pretendente parceiro, é hora de colocar as ideias principais num papel: um documento simples, em uma ou duas páginas é suficiente para gerar compromisso e motivação das duas partes. Afinal, poucas pessoas tomam esse cuidado e por isso a formalização automaticamente gera um senso de comprometimento.

Defina o objetivo em conjunto

O primeiro item a ser formalizado é o objetivo. Pensem juntos: qual é o objetivo desta ação? Construir mais audiência/seguidores? Gerar cadastro de novos emails? Aumentar o número de vendas? Criar um novo produto? O que exatamente vocês irão realizar em conjunto e qual o objetivo de cada um?

Encontre uma forma de medir os resultados

Explorar internamente qual a expectativa de cada um na ação de parceria, é o primeiro passo para começar a construir uma forma de medir os resultados. Pense no que você espera atingir. Pode ser um chute e você pode errar, não tem problema nenhum. A questão aqui é quebrar a cabeça, junto ao futuro parceiro, para encontrar uma forma de gerar métricas. Números são sempre bem-vindos para acompanhar o crescimento de uma empresa, tais como número de vendas, porcentagem a mais no faturamento, número de novos seguidores, quantidade de novos clientes cadastrados e etc. Para fazer o comparativo, é preciso conhecer quais são os seus resultados até o momento. Outras questões subjetivas também podem ser úteis: relatos e depoimentos positivos sobre a ação, engajamento e compartilhamento nas mídias sociais.

Defina quem vai fazer o que e como as marcas serão envolvidas 

A lista de tarefas é um tremendo antídoto para prevenir e clarear os deveres, obrigações e direitos. Por exemplo: Quem fará o material de comunicação? Como as marcas aparecerão na divulgação? Quem fará o cadastro dos novos clientes? Quem terá o direito a esses novos cadastros? Quanto de dinheiro será envolvido na campanha toda, desde o material até a hora do profissional e quem pagará pelo que?

Combinado não sai caro

O principal segredo para o sucesso de uma parceria está no alinhamento das expectativas e em uma comunicação de forma imensamente clara. Inicie um canal de diálogo profissional com o possível parceiro, mesmo que seja sua melhor amiga e fale abertamente sobre o que espera. Ao mesmo tempo, ouça com atenção. Construir uma linha de relacionamento claro e honesto cria um ambiente produtivo de interesse mútuo e, aí sim, a soma das qualidades individuais de uma e de outra contribuem para o resultado no coletivo.

Have fun!

Quando inserimos mais profissionalismo nas nossas atitudes, frequentemente nos esquecemos de ver leveza na rotina. O processo não precisa ser duro e nem cheio de desconfianças, pelo contrário, pode agregar diversão. Reuniões com bolinho, chás, canetas e post-its coloridos colocam alegria em qualquer negociação!

Cris Ferrari é inquieta, curiosa e interessada em descobrir formas para estimular a autonomia e a interação entre mulheres que querem desenvolver seus próprios negócios. É coach e consultora de pequenos negócios e sócia na de saia, onde desenvolve ações para inspirar o motivar a constância.

bool(false)

Sobre Elo7

Somos um time que é apaixonado por tudo que é criativo e feito à mão. Aqui no blog, trazemos dicas diárias para inspirar e ajudar no seu negócio criativo! Também organizamos oficinas e encontros em todo o Brasil. Conheça o Elo7!

Veja mais posts deste autor.