Home | Negócio Criativo | Agenda | Elo7 visita Lia Faccio na Feira de Artes e Artesanato de Campinas/SP

Elo7 visita Lia Faccio na Feira de Artes e Artesanato de Campinas/SP

Visitamos recentemente a artesã Lia Faccio na conhecida Feira de Artes e Artesanato de Campinas, SP, que fica localizada no Centro de Convivência Cultural, no bairro Cambuí. Feira super tradicional que acontece aos sábados e domingos das 9h00 às 14h00 e que é um ponto de encontro de muitos campineiros e visitantes de outras cidades. Feira que reúne artesanato variados, antiguidades, apresentações artísticas, comida boa e muita gente feliz.
A Lia tem uma loja linda no Elo7 e foi essa loja linda que me chamou atenção e me fez querer visitá-la pessoalmente. Ela trabalha com materiais que iriam direto pro lixo comum, como caixotes de madeira, garrafas usadas, sementes de abacate, móveis velhos que ela pega em entidades como a Sobrapar. E transforma esses materiais em objetos rústicos de muito bom gosto e que arranca elogios de todos que têm a oportunidade de conhecê-lo. Não somente eu mas vários outros visitantes queriam levar a banca inteira pra casa quando estive na feira. Eu mesmo não consegui ir embora sem um oratório com o Espírito Santo.
Conheça um pouco mais sobre a Lia no texto escrito por ela mesma!

Um beijo e uma ótima semana para todos vocês,

Mônica Ipolito.

Meu “elo” com a arte – Por Lia Faccio, Sumaré/SP
Na verdade a arte sempre esteve presente na minha trajetória. Escrevo poesias, bordo, faço crochê, estudei e ensino teatro. E foi no teatro, nesse encontro com o faz de conta, que me conheci e conheci outras artes afins. Em 2006 tive uma surpresa. Um câncer de mama determinou de maneira enfática que a vida é colorida, e que deve ser retratada em nossas obras, em nossas determinações. Durante uma sessão de terapia, minha psicóloga, Ana Paula, disse-me para eu fazer algo no qual eu imprimisse minha marca. E entre a última, e a penúltima sessão de quimioterapia, tive uma conversa séria com Maria, mãe de Jesus (somos amigas íntimas). Pedi a ela que me mostrasse o caminho.E deu vontade de pintar. Pintei o portão de casa, os bancos e a mesa da cozinha de vermelho (cor de sangue: seiva da vida). Os dias eram quentes. Sorte que estava careca, caso contrário teria saído com os cabelos marcados por esmalte sintético vermelho, pois ainda não dominava bem as técnicas de pintura. Pintei os móveis da casa de meus pais, e como alguma coisa faltava na sala de jantar, fiz pátina com découpage em quatro caixotes de feira. Naquele exato momento entendi que era esse o caminho. Reaproveitar, reciclar e transformar materiais que ficam esquecidos e descartados.

Claro que gosto de trabalhar com outros tipos de material, mas meu forte mesmo é o caixote. Não acredito em coincidências, e sim em paixões. Projetos, metas e planejamentos são concretos. E quanto mais objetivos somos, maior é a realização do projeto.

Reciclo o caixote e “ressuscito” sua utilidade. Às vezes um susto nos faz sentir que vale a pena viver. Ah! Quanto ao cabelo, ele nasceu mais bonito.

Mesinha pega na Sobrapar, restaurada, vendida e o $$ devolvido à Sobrapar
Para visitar a loja da Lia no Elo Para visitar a loja da Lia no Elo7, clique aqui!
bool(false)

Sobre Elo7

Somos um time que é apaixonado por tudo que é criativo e feito à mão. Aqui no blog, trazemos dicas diárias para inspirar e ajudar no seu negócio criativo! Também organizamos oficinas e encontros em todo o Brasil. Conheça o Elo7!

Veja mais posts deste autor.

10 comentários

  1. Lia…amiga,mulher de coragem…
    Seus trabalhos nos inspira e nos faz refletir e lembrar de Lavosier: "nada se cria, tudo se transforma"!
    Tudo se transforma nas suas mãos…seus caixotes, sua vida, seus alunos, seus amigos…

    Parabéns !!!
    Amo vc !!!

  2. Lia…amiga,mulher de coragem…
    Seus trabalhos nos inspira e nos faz refletir e lembrar de Lavosier: "nada se cria, tudo se transforma"!
    Tudo se transforma nas suas mãos…seus caixotes, sua vida, seus alunos, seus amigos…

    Parabéns !!!
    Amo vc !!!

  3. Lia…amiga,mulher de coragem…
    Seus trabalhos nos inspira e nos faz refletir e lembrar de Lavosier: "nada se cria, tudo se transforma"!
    Tudo se transforma nas suas mãos…seus caixotes, sua vida, seus alunos, seus amigos…

    Parabéns !!!
    Amo vc !!!

  4. Cris - Casulo dos Fios

    Que belíssimo trabalho Lia, parabéns e a você também Mônica pela reportagem.

  5. Cris - Casulo dos Fios

    Que belíssimo trabalho Lia, parabéns e a você também Mônica pela reportagem.

  6. Cris - Casulo dos Fios

    Que belíssimo trabalho Lia, parabéns e a você também Mônica pela reportagem.

  7. Cristina Hayek

    Oi Lia, tudo bom… dizem que agente começa a gostar das pessoas por varios motivos e eu começei a gostar muito mas muito mesmo de vc so de ver seus trabalhos lindos e tambem de saber um pouco de vc. Eu tenho certeza que seriamos muito amigas pois vc tem o meu jeito de ser.Eu desejo que vc seja mais feliz do que tenho certeza que ja e… eu tb ja achei a minha felicidade. beijos enoooooooormes

  8. Cristina Hayek

    Oi Lia, tudo bom… dizem que agente começa a gostar das pessoas por varios motivos e eu começei a gostar muito mas muito mesmo de vc so de ver seus trabalhos lindos e tambem de saber um pouco de vc. Eu tenho certeza que seriamos muito amigas pois vc tem o meu jeito de ser.Eu desejo que vc seja mais feliz do que tenho certeza que ja e… eu tb ja achei a minha felicidade. beijos enoooooooormes

  9. Cristina Hayek

    Oi Lia, tudo bom… dizem que agente começa a gostar das pessoas por varios motivos e eu começei a gostar muito mas muito mesmo de vc so de ver seus trabalhos lindos e tambem de saber um pouco de vc. Eu tenho certeza que seriamos muito amigas pois vc tem o meu jeito de ser.Eu desejo que vc seja mais feliz do que tenho certeza que ja e… eu tb ja achei a minha felicidade. beijos enoooooooormes

  10. Estava vendo a reportagem de quando comecei a trabalhar com caixote. Foi uma paixão e é até hoje. Agradeço a Deus pela inspiração e ao elo7 pela oportunidade. E vamos lá.