Home | Negócio Criativo | Desenvolva seu Negócio | Eder Machado e seus aprendizados com o empreendedorismo: confira as dicas

Eder Machado e seus aprendizados com o empreendedorismo: confira as dicas

No post de hoje vamos vamos conhecer um pouco da história do Eder Machado, as motivações e aprendizado que conseguiu ao iniciar a jornada do empreendedorismo. Confira a entrevista!

Eder Machado e seus aprendizados com o empreendedorismo

Eder Machado e seus aprendizados com o empreendedorismo: confira as dicas

Em meados de 2002, buscava diminuir as despesas, pois o salário que ganhava não era suficiente para suprir nossas necessidades. Foi então, que lendo um livro do Dr. Lair Ribeiro, li a frase: “Ao invés de gastar energia para cortar suas despesas, use essa energia para aumentar seus ganhos”.

Foi exatamente o que fiz. Foquei minhas energias em aumentar meus ganhos financeiros, fazendo  cartões de visitas para pequenos negócios do meu bairro. Os anos passaram, a situação financeira melhorou e já não era mais necessário fazer o trabalho extra. Porém, a semente do empreendedorismo já tinha sido plantada e eu comecei a sonhar em criar meu próprio negócio.

Minha maior satisfação era ouvir os problemas de divulgação e vendas de pequenos e médios negócios e ajudá-los com meu conhecimento em divulgação na internet. A motivação, agora, não era mais financeira e sim, o prazer de fazer a diferença e contribuir para o desenvolvimento do negócio de meus clientes. Então, em 2012 pedi demissão da empresa que trabalhei durante 12 anos para empreender em um negócio próprio.

2. Qual foi a maior dificuldade que encontrou na jornada empreendedora e como aprendeu a lidar com isso?

A maior dificuldade foi esperar “estar preparado” e achar que existe o “momento ideal” para empreender. A grande verdade é que o “momento ideal” nunca chegará e que a preparação se adquire ao longo da trajetória. É necessário ser responsável por suas decisões e fazer um planejamento das ações. O problema é quando ficamos anos e anos somente no planejamento e não demos nenhum passo em direção ao nosso objetivo.

Isso é um problema, geralmente associado ao perfeccionismo, ou seja, esperar o cenário perfeito para empreender. Quando entendi que o “Feito é melhor que perfeito”, comecei a executar e as coisas começaram a acontecer

3. Na sua opinião, qual a principal característica que um empreendedor precisa desenvolver para ter um negócio de sucesso?

Acredito que a principal característica é a mentalidade correta, ou seja uma mentalidade empreendedora. Eu aprendi com o Flávio Augusto, do blog Geração de Valor, que os 3 pilares para desenvolver um negócio de sucesso são: Visão, Coragem e Competência.

A visão está relacionada ao sonhar, a ser inconformado, buscar soluções e perceber oportunidades que a maioria não está enxergando.  Coragem para colocar em prática, ou seja, encarar os desafios e riscos de empreender, mesmo com medo! A falta de coragem é o que mata a maioria das ideias. Uma grande ideia não vale nada, se não for executada!
Já a competência está relacionado ao fazer acontecer, ou seja, são as habilidades necessárias para executar a visão. O empreendedor pode já ter essas habilidades (ex: dominar uma técnica de artesanato) ou então, “comprar” de terceiros (ex: contratar um serviço de marketplace como Elo7 para ter sua loja virtual).

4. Que dica daria para quem pretende aumentar a renda com o artesanato?

Invista tempo e dinheiro em capacitação para eliminar o amadorismo e desenvolver um negócio artesanal. Cada um de nós somos responsáveis pelos nossos sonhos e projetos, então, de nada adianta se colocar como vitima da economia, do marido, da esposa, dos filhos, do sistema e por aí em diante…

Tome as rédeas em suas mãos, desenvolva as competências necessárias e tenha coragem de ir em direção ao sonhos e objetivos com as artes manuais.

bool(false)
Engenheira de produção de formação, apaixonada por empreendedorismo, DIYs, artesanato e tudo relacionado a ele. Acredita que só é feliz quem sonha grande e ao mesmo tempo é genuinamente grato por tudo que tem! Escreve aqui no Blog e também no Academia Craft Academiacraft.com.

Veja mais posts deste autor.