Home | Negócio Criativo | Desenvolva seu Negócio | Gerenciamento das finanças: dicas para empreendedores criativos

Gerenciamento das finanças: dicas para empreendedores criativos

O gerenciamento das finanças é essencial para o sucesso do seu negócio criativo. O texto abaixo, que chegou por meio da rede colaborativa foi escrito pela psicóloga e coach de carreira Amanda Rocha. Confira as dicas práticas e veja como implementá-las!

Trabalho com pequenas empreendedoras há mais de 4 anos. Vejo que existe um padrão seguido pela grande maioria: um grande foco no marketing em detrimento das outras áreas do negócio. Como aumentar meu número de seguidores? Como tirar melhores fotos? Como perder o medo de gravar vídeos? Qual o melhor aplicativo para editar fotos? Como engajar mais seguidores em meus posts?

Tudo isso é extremamente importante, pois sem estas estratégias, não atraímos novos clientes. Mas atualmente existe um foco muito grande nestes aspectos e pouca atenção na gestão do negócio em si. E essa é uma habilidade que precisa ser desenvolvida desde o início, se você quer ter um negócio sustentável e duradouro!

Gerenciamento das finanças: dicas para empreendedores criativos

Gerenciamento das finanças: dicas para empreendedores criativos
Confira as dicas práticas para o gerenciamento das finanças e veja como implementá-las!

Hoje vou me focar no oxigênio de qualquer negócio: as finanças. Claro que para existir um planejamento financeiro é necessário que exista dinheiro entrando no negócio. Mas depois que as vendas são realizadas e você recebe o pagamento, o que você faz com esse dinheiro? Reverte o dinheiro para suas contas pessoais, e não consegue reinvestir na sua empresa para fazê-la crescer?

Aliás, sua empresa existe no mundo de fato? Você tem um CNPJ, tem uma conta pessoa jurídica? Antigamente a desculpa para não formalizar uma empresa era a burocracia e o custo alto. Mas na atualidade o processo de abertura de uma empresa pode ser feito em minutos, sem sair da sua casa,dependendo do seu faturamento.

Muitos pequenos empreendedores criativos fogem destas questões por não terem um perfil comportamental voltado para burocracias e números. Mas é como falei acima: o que vai fazer a sua empresa perdurar e você continuar colhendo os benefícios que ela te proporciona é ter um fluxo de caixa positivo. Então hoje te pergunto: seu fluxo de caixa está positivo? Você sabe responder esta pergunta da forma correta, levando em consideração os pontos que precisa para respondê-la?

Apesar de a minha especialidade não ser as finanças, enquanto coach e mentora de empreendedoras é meu dever jogar luz nessas questões que são fundamentais para o bom andamento de um negócio. Seguem aqui algumas orientações neste sentido para que você considere, mesmo que seja uma empreendedora iniciante:

1. Tenha um CNPJ e uma conta pessoa jurídica

A formalização de sua empresa te ajudará a enxerga-la de fato como um negócio, além de aumentar a sua credibilidade perante seus clientes. Muitos empreendedores que trabalham de casa têm dificuldade em estabelecer limites entre trabalho e família por exemplo. Essas medidas podem ajudar a começar esta separação e ter um negócio (e relações familiares) mais saudáveis, dentre outros inúmeros benefícios, além de claro, se enquadrar nas questões da legislação;

2. Separe sua conta pessoal da conta de sua empresa

Este é o primeiro passo para que você não se desorganize financeiramente e coloque seu negócio em maus lençóis. Faça os recebimentos de sua empresa em uma conta exclusiva para isso. Mantenha nesta conta a quantia que será reinvestida no seu negócio ou que você utilizará para pagar as despesas.

4. Saiba na ponta da língua quanto custa a sua empresa por mês

Você tem este número? Assim você conseguirá saber a porcentagem de cada venda que será destinada ao pagamento dos custos mensais da sua empresa.

5. Saiba na ponta da língua seu custo de vida pessoal mensal

Desta forma você será capaz de chegar ao seu pró-labore, ou seja, a quantia que você retirará do seu faturamento mensal. Aqui subtende-se que você, enquanto pessoa física, não deve reter 100% do faturamento de sua empresa, caso contrário não terá como reinvestir e consequentemente crescer.

6. Aprenda a calcular seu ROI (retorno sob o investimento)

Você já tinha ouvido falar nessa sigla? Esta é uma das métricas mais importantes do marketing digital, ou seja: se você faz um investimento mensal em marketing, através de anúncios e posts patrocinados por exemplo, precisa saber quanto exatamente está tendo de retorno. Um negócio com ROI negativo está caminhando para o insucesso, e para saber se seu ROI está positivo, a fórmula para calcular é esta (mas eu indico fortemente que você busque material para se aprofundar no assunto):

ROI = (GANHO OBTIDO – INVESTIMENTO INICIAL) / INVESTIMENTO INICIAL

Uma dica: toda semana, separe um tempo para se voltar às questões financeiras e administrativas de sua empresa. Este tempo não precisa ser longo e geralmente pode ser em torno de 10% da quantidade de tempo que você trabalha semanalmente. Mas se você quiser que seu negócio (e consequentemente você) respire tranquilamente e dure por muito tempo, está na hora de cuidar das suas finanças. Assim como o ar é fundamental para a sua saúde, o dinheiro é fundamental para a saúde do seu negócio.

Amanda Rocha, Psicóloga, Coach de Carreira para Mães e principalmente mãe da Manuela (3 anos) e da Rafaela (1 ano). Depois de muitas idas e vindas na minha carreira, descobriu uma forma de unir suas paixões por empreendedorismo, carreira e maternidade através do seu trabalho como Coach de Mães que desejam realização profissional sem deixar de lado uma maternidade ativa e presente.

Imagem de capa: loja Artmanha Reciclados

Salvar

Salvar

Salvar

Salvar

Engenheira de produção de formação, apaixonada por empreendedorismo, DIYs, artesanato e tudo relacionado a ele. Acredita que só é feliz quem sonha grande e ao mesmo tempo é genuinamente grato por tudo que tem! Escreve aqui no Blog e também no Academia Craft Academiacraft.com.

Veja mais posts deste autor.

2 comentários

  1. Que prazer imenso colaborar com este portal! Gratidão <3