Home | Negócio Criativo | Desenvolva seu Negócio | Manifesto por uma vida mais criativa

Manifesto por uma vida mais criativa

vida mais criativa

Recentemente lançamos um novo serviço de coaching criativo feminino e Priscila, minha sócia, disse esses dias uma coisa que bateu fundo na nossa alma e que reflete bem a nossa filosofia: “Em tempos de crise, ser otimista é ato de rebeldia”. E é exatamente assim que nos sentimos. Otimistas e rebeldes. Acreditamos antes de tudo que para viver uma vida mais criativa, é preciso coragem. Quando nós decidimos ir em busca de novos modelos de trabalho, tivemos de aprender a conviver com o desconforto. O desconforto do incerto todos os dias. Mas se você segurar as pontas, logo que ele passa você percebe que já não é mais a mesma, é outra pessoa, e bem melhor.

Hoje o manifesto é meu, é nosso, é seu e de todo mundo que também tem essa rebeldia de ser otimista.

O Manifesto criativo

Repita comigo:

“Declaro que a partir de hoje farei um pacto com uma vida mais criativa.

Acreditarei que tenho o direito de viver uma vida imaginativa e assumir uma certa dose de inesperado. Trabalharei junto com a coragem para explorar a vastidão de minhas capacidades, de uma maneira nova e minha vida parecerá maior, plena.

Entendo que precisarei enfrentar meus medos e crenças para trazer à tona tesouros escondidos dentro de mim. Comprometo-me a trazer ao mundo a melhor parte de mim, sendo fiel aos meus valores mais fundamentais.

Entendo que alguns medos podem aparecer no caminho de mudança e estarei pronta para identificá-los e encontrar alternativas para mover.

Marque os medos que possam aparecer:

(  ) Medo de não ter talentos

(  ) Medo de ser ridículo, incompreendido

(  ) Medo de não haver mercado porque está todo mundo fazendo

(  ) Medo de que alguém já tenha feito melhor

(  ) Medo de alguém roubar minhas ideias

(  ) Medo de não ser levado a sério

(  ) Medo de fazer um trabalho “menos importante”

(  ) Medo de perder tempo ou ver que seus esforços não valeram a pena

(  ) Medo de não ter a disciplina ou comportamento esperado

(  ) Medo de não ter o tipo certo de formação

(  ) Medo de magoar alguém próximo

(  ) Medo do que os colegas do trabalho atual irão pensar

(  ) Medo de estar velho demais para isso

(  ) Medo de cometer os mesmos erros

(  ) Medo de não ter “sucesso”

(  ) Medo de ter sucesso

Serei movida pela curiosidade, não pelo medo da mudança. A cada medo que apareça no caminho, escolherei focar na solução, na criatividade, no “E se…” ao invés do “ainda não”.

Darei espaço para que a inspiração possa se manifestar, mantendo hábitos de vida saudável e que gerem energia para meu dia a dia. Cooperarei com minha inspiração para que ela não faça o trabalho todo sozinha. Jamais desistirei de minhas ideias porque elas parecem banais ou sem originalidade. Trabalharei para colocar minha paixão, expressão para que ela se torne minha e, portanto, única.

Estou de acordo com os pontos levantados acima e me comprometo com tudo isso porque alcançar minha meta me permitirá___________________________________________________________. ”                                                                                                   (coloque aqui o motivo do seu projeto existir).

Date e assine.

Para te ajudar a sempre lembrar deste manifesto, criamos um arquivo para você assinar e registrar seu comprometimento, clique aqui para baixar o arquivo do manifesto.

manifesto1

E aí, você está pronto para assinar o seu manifesto? Para te ajudar a lembrar-se sempre deste manifesto, baixe o pôster “Por uma vida mais criativa” e decore todos os seus cantinhos. A imagem acima é da @moon_ica.

Deixe seu comentário e conta pra gente! Confira mais posts do Negócio de Mulher aqui

Imagem

bool(false)
Karine Drumond e Priscila Valentino atuam há mais de 10 anos com design e criatividade e atualmente são responsáveis pelas iniciativas da Negócio de Mulher – projeto criado para inspirar e ajudar mulheres a transformarem sonhos em realidade e paixões em negócios, por meio de cursos online e ebooks.

Veja mais posts deste autor.

Um Comentário

  1. Legal, gostei! Realmente dá um certo desconforto, mas vi é normal né rsrs