Home | Negócio Criativo | Desenvolva seu Negócio | Perguntas simples e poderosas para você evoluir seu negócio

Perguntas simples e poderosas para você evoluir seu negócio

question mark on sticky note

Final do ano vai chegando e começo a rever o que foi feito e o que ainda há a fazer e sempre me pergunto: Por onde começar? Como analisar o rumo que fui tomando? O que é realmente importante de avaliar? O mais importante é saber fazer as perguntas certas, mas quais perguntas? Foi pensando nisso tudo que resolvi criar este checklist para te ajudar a refletir se você está no “caminho certo” – mesmo sabendo que a palavra “certo” tenha significados próprios para cada um de nós. Nunca é tarde de rever o que já foi feito, reavaliar os caminhos, reafirmar nosso propósito e fazer diferente, fazer sempre melhor. Papel e caneta e mãos à obra! Separe um tempinho do seu dia mais tranquilo para parar e fazer a sua avaliação e depois me conta como foi.

Propósito

O propósito é o que dá brilho no olhar: Tenho trabalhado em algo que me dê energia? Mais importante ainda, tenho investido tempo em projetos que são mais alinhados com meus valores? Se sim, será que tenho comunicado meu propósito e valores para meu público para que eles também se identifiquem com o que eu faço? As pessoas não compram somente o seu produto, elas compram também a história que está por trás, os valores da sua marca, o seu propósito.

Seu negócio

O negócio muda, evoluiu com o tempo e sempre é tempo de se perguntar: Minhas propostas estão alinhadas com as reais necessidades dos meus clientes? Tenho notado que meus produtos empolgam os clientes? Há uma sinergia entre meus produtos e o que as pessoas estão buscando? Meus clientes estão satisfeitos?

Custos e Receitas

Os custos e receitas dão sustentação a todo negócio. Minhas receitas estão superando meus custos? Sobra uma margem para eu reinvestir? Tenho uma estrutura enxuta de custos?

Otimização do meu tempo

As vezes a gente gasta mais tempo apagando incêndio do que nos concentrando em coisas realmente importantes. Será que tenho dedicado tempo às atividades que realmente importam ao meu negócio? Tenho delegado tarefas secundárias para ganhar tempo? Tenho padronizado meus processos e procedimentos para não ter de reinventar a roda o tempo todo? Minhas parcerias me ajudam a otimizar meu tempo ou meus custos?

Clientes

A visão do cliente deve ser o pulso de qualquer negócio. Meus clientes costumam ser fiéis? Tenho me focado em um nicho específico ou tenho atirado para todos os lados? Tenho tido um alcance legal ou preciso aumentar meu alcance? Tenho mantido uma comunicação com meus atuais e futuros clientes?

Ameaças

Este também é um bom momento para avaliar os riscos. Será que há algum produto ou serviço novo sendo criado que substitui ou melhora o que eu ofereço? Será que posso diversificar minhas fontes de receitas? Meu mercado está ficando muito saturado?

Oportunidades

Agora vamos falar de coisa boa! Também é hora de ampliar a visão, onde estão as oportunidades? Eu posso diversificar minhas fontes de receitas, criando novos produtos ou serviços. Se eu aprendi uma nova habilidade, será que posso passar a vender também o “como fazer”, ensinando outras pessoas? O que as pessoas já me pedem para eu fazer que eu ainda não tinha pensado em transformar em um negócio? Consigo criar uma forma do cliente me pagar de forma recorrente ao invés de transações únicas? (exemplo: serviços de assinatura), O que é que tenho tido maior demanda ultimamente? Posso aumentar meus preços? Posso fazer alguma parceria para melhorar minha divulgação? Posso estreitar ainda mais o relacionamento com os clientes que já possuo?

Nem sempre a gente consegue realizar todas as tarefas, nem todas as atividades sonhadas em um início de ano e quer saber? Nem precisamos! Simplesmente não dá para fazer tudo. Eu não sei você, mas eu fico mais leve apenas por escrever (e admitir para mim mesma) esta frase. Por outro lado, dá para fazer o que é realmente importante? Ah! Isso, dá sim! A partir de 2015, sugiro a você a começar priorizar o importante e não o “urgente” e focar nas coisas que realmente importam para você, se concentrar naquelas atividades que geram energia, motivação e principalmente aquelas que você sabe que é são o seu melhor (seus talentos), onde você consegue gerar o máximo de valor e fazer a diferença. O ano de 2015 espera este valor e combinação de talentos e paixões que só você pode desenvolver.

Feliz 2015!

Karine Drummond

bool(false)
Karine Drumond e Priscila Valentino atuam há mais de 10 anos com design e criatividade e atualmente são responsáveis pelas iniciativas da Negócio de Mulher – projeto criado para inspirar e ajudar mulheres a transformarem sonhos em realidade e paixões em negócios, por meio de cursos online e ebooks.

Veja mais posts deste autor.

2 comentários

  1. Rever nossos valores e prioridades é realmente importante. Adorei a postagem.

  2. Amei o post, um super resumo do que realmente precisamos priorizar. Parabéns.