Home | Negócio Criativo | Desenvolva seu Negócio | Prepare-se para os bazares de Natal

Prepare-se para os bazares de Natal

lu-gastal-bazar

Final de ano chegando, Natal à vista, Reveillon idem; para artesãs e comerciantes, aí vem o período de maior dedicação e oportunidades. A coluna Alinhavos & Gestão chega com dicas pra que vocês arrasem nos bazares e atividades especiais de novembro e dezembro!

  1. Independente do tamanho do evento – seja um bazar ou uma ação promocional em seu comércio -, o planejamento de detalhes é fundamental. Programe antecipadamente a data, quem participará, qual será o público alvo, quais produtos serão apresentados.
  2. Cuide do espaço de maneira a deixá-lo harmônico e bacana – vale tirar alguns móveis, trocá-los de lugar, vale pegar aquela mesa antiga da casa da mãe, vale decorar com um vaso fofo de flores. O que importa é dar à nossa cliente a certeza de que ela é especial, e foi esperada com carinho por nós.
  3. Para mesas de bazares, geralmente aquelas brancas plásticas, não abra mão de uma toalha que a cubra até o chão. Não deixe sua cliente notar que debaixo da mesa há sacolas com produtos e outros objetos que não precisam ser notados.
  4. O sucesso do bazar não precisa ser imediato – muitas vezes nos dedicamos à participação de bazar, e devido a poucas vendas no dia, temos o pensamento de que não valeu a pena. Por isso, é importante investir na apresentação do produto – cartões de visita são ferramentas fundamentais para esse contato futuro com as clientes. Muitas vezes a cliente vai ao bazar, não compra o produto, pensa e volta a procurar no decorrer dos dias, por isso, dedique-se à encantá-la!
  5. A embalagem do seu produto também é fundamental. Não se preocupe em investir grandes valores em embalagens personalizadas – tu poderás personalizar sacolas de forma criativa e única. Gaste um tempo nesse planejamento, pesquise tendências (já visitou a rede social Pinterest? eu recomendo!).
  6. Aproveite o momento para captar futuras clientes; deixe em cima da mesa um bloquinho fofo e peça para suas visitantes anotarem nome e email – eles serão válidos em futuros contatos (dica: não precisa pedir telefone, RG, data de aniversário etc, informações em excesso desanimam a cliente a preencher o cadastro).
  7. Invista na sua apresentação pessoal. Isso não significa que tu precises ir ao cabeleireiro e fazer chapinha no cabelo – um visual clean será sinônimo de capricho, seguindo a máxima “o menos é mais”! A cliente tem que notar o seu produto, não a nova cor do sapato. Um sorriso sincero é, sempre, o melhor cartão de visitas!
  8. Com tantas festas e comemorações na época, ofereça pequenas tags, aqueles pedaços de papéis fofos onde se escreve “DE” e “PARA”; os detalhes fazem toda diferença, e não será necessário investir grande soma de dinheiro nesses cuidados.
  9. Não participe de bazares ou ações comerciais esperando divulgação alheia – com antecedência avise suas clientes, amigas e familiares e convide-os para visitar o evento. Quanto mais você divulgar, maiores serão as chances de sucesso de público. Se todos os expositores fazem a sua parte, o público certamente visitará o evento.
  10. Capriche nos produtos, é claro! Venda um produto que você mesmo compraria; e deixe transparecer o carinho dedicado nessa produção!

Este post é dedicado à quem pinta, borda, costura, faz scrap, enfim. Independente da atividade faça-a com amor no coração!

bool(false)

Sobre Lu Gastal

Mãe coruja, blogueira e dona do seu próprio negócio criativo, Lu Gastal não dá ponto sem nó. ↵↵Apaixonada por patchwork, quilting, tecidos coloridos e bonecas de pano, escreve um blog pessoal sobre todas as dores e delícias de empreender criativamente.↵↵

Veja mais posts deste autor.

6 comentários

  1. Adoro bazares. Amo participar deles. Aqui em casa fazemos o Bazar de Garagem, que já para a 7a. edição. Agradeço pelas dicas, com elas faremos melhor na próxima data.

  2. Adorei as dicas…. Tem algum site p saber onde e qdo vai ter bazares?

    E aquela feirinha que tem no Shopping Continental, alguem sabe como fazer p participar e se vale a pena?

    Obrigada

  3. Meire Bolonhani

    Ótimas as dicas da Lu.
    Faço artesanato desde os 15 anos – tenho 55. Nunca participei de bazares, tenho muita vontade, mas nunca tenho $$$ para participar. Agora então, desempregada fica mais dificil. Coloco minhas coisas no face, todos elogiam mas ninguem compra nada. Isso desmotiva um pouco.
    Desculpe, foi só um desabafo.

  4. Suely M. V. Barberi

    Obrigada pelas dicas. Vou ter um bazar neste fim de semana(29 e30) na igreja São João de Brito, Rua Nebraska 868, Brooklin. São Paulo. das 9 as 18 hrs. Suely.

  5. Eu sempre coloco uma tag escrito “De… Para…” no embrulho que envio para meus clientes. Se a pessoa comprou para presentear já vai prontinho :)

  6. Ficou lindas essas mesas apoiadas em caixotes!!! Todos iguais deixou tudo harmonioso, bem legal!