Home | Negócio Criativo | Desenvolva seu Negócio | Produtividade para mães empreendedoras: 5 dicas

Produtividade para mães empreendedoras: 5 dicas

Meu nome é Jo, sou mãe da Luiza, minha pequena kiki de 6 anos e vou falar um pouco sobre produtividade para mães empreendedoras. Quando abri minha primeira loja online no Elo7, minha Luli tinha 1 mês de idade. Naquela época, achava que trabalhando em casa poderia fazer meus horários e unir o útil ao agradável, acompanhando o crescimento da minha pequena e ainda trabalhar com algo que me dava muito prazer. Porém, não foi bem assim que as coisas aconteceram: como toda mulher, acabei me responsabilizando por muitas tarefas e atividades ao mesmo tempo, sem ter atenção à minha verdadeira prioridade.

Produtividade para mães empreendedoras

Dois anos depois, minha vida estava um caos e eu me sentia muito culpada porque não conseguia dar a atenção que gostaria para minha filha e também não conseguia me focar apenas no trabalho. Passei por uma longa caminhada de buscas e testes, com tropeços e também acertos. Hoje, 6 anos depois, consigo fazer muito mais, tendo vários projetos de trabalho em andamento, meu trabalho como Coach de Vida – também falando de produtividade para mães empreendedoras – e ainda consigo dar atenção à minha filha, como nunca antes.

Quer saber como? Confira essas 5 dicas essenciais de produtividade para mães empreendedoras para ter um dia mais organizado e pleno, como mãe e como empreendedora.

Produtividade para mães empreendedoras: 5 dicas

Dica 1: Respire fundo e siga as fases do seu filho

Seu filho passa por várias fases, sendo que algumas requerem muita atenção, como quando ele começa a andar, por exemplo. Quanto mais ansiosa e preocupada você ficar com seu negócio do coração, mais estressada e culpada vai se sentir em relação ao seu filho, e o motivo principal por trabalhar em casa, se perderá.

A solução é respeitar as fases pelas quais seu filho vai passar, tendo resiliência. Escrevi uma série com 5 artigos que falam sobre essas fases, e você pode ver no Lapidando.

Se seu pequeno está naquela fase de pedir sua atenção de 15 em 15 minutos, escolha realizar as tarefas que demandam mais concentração de sua parte nos momentos em que ele estiver tirando a soneca da tarde, estiver na escola, naquele horário do dia em que ele estiver mais tranquilo ou quando alguém possa dar um auxílio.

Dica 2: Troque a palavra disciplina por prioridade

Para quem trabalha sem chefe e, principalmente, com criatividade, a palavra “disciplina” pode ser um problema. Tem gente até que sente um arrepio por achar que vai ficar travada na hora de criar.

Porém, por ter sido uma pessoa sem rotina nenhuma por muito tempo e ter me prejudicado muito por isso, entendi que a melhor coisa é trocar a palavra disciplina (ou rotina), pela palavra prioridade.

Você sabe qual é a sua prioridade nesse momento da sua vida? E no dia de hoje, qual é a prioridade?

Entender sua prioridade é saber dizer não para o que não é importante. E é isso que fará o seu tempo dobrar!

Dica 3: Tenha clareza de quais são suas funções como dona do negócio

Seu negócio tem um fluxo de atividades que se dá através de processos, que vão desde a criação de um novo produto, passando pelo estudo do seu público-alvo, a produção, o pós-venda, etc.

Saber exatamente qual é esse fluxo de atividades é o grande segredo para organizar sua agenda sem esquecer de nenhuma etapa importante do negócio. E, principalmente, para não acabar trabalhando 24 horas por dia, em momentos que seriam para as atividades com seu filho.

Uma dica é ter essas informações no papel e agrupar atividades parecidas em dias específicos. No Lapidando temos um curso bem completo sobre Produtividade, mas vou dar um exemplo: se você não tem um dia da semana específico para ir ao correio, a solução é escolher um e informar sempre para o seu cliente. Se você tiver um volume de entregas maior, poderá especificar 2 ou 3 dias, mas sempre os mesmos dias da semana. Isso vai fazer com que todas as outras tardes fiquem livres para outras atividades.

Faça isso com as atividades principais do seu negócio, e você terá muito mais tranquilidade e produtividade, tendo tempo suficiente para fazer tudo o que é preciso no negócio e ainda cuidar do seu pequenino com alegria!

Dica 4: Peça ajuda

A maioria das mulheres se cobra muito em ser a mãe perfeita, a profissional de sucesso, a esposa dedicada, a dona de casa prendada, e ainda ser magra e feliz.

Nunca é cedo demais nem tarde demais para ser o melhor que você pode ser. Sim, é possível ser a melhor mãe que você pode ser, a melhor profissional e empreendedora que você pode ser. A melhor esposa, filha e dona de casa que você pode ser. Tudo isso só é possível quando você se respeita e está aberta para receber ajuda.

Dica 5: Busque por autoconhecimento

Autoconhecimento é se lembrar das coisas que te fazem bem, dos melhores momentos da sua vida, de quem você é em essência, do porquê você acorda todos os dias.

Ter consciência das informações acima é ter direcionamento. É ter respeito por si mesma, e consequentemente, pelas pessoas que estão à sua volta.

Lembre-se que você sempre será o maior exemplo do seu filho. No início, por simbiose. Depois pelas suas atitudes e reações. Depois, pelos passos que estiver escolhido dar em sua vida. Tenha sempre carinho por você e perceba que quando você está bem e feliz, todas as pessoas que estão a sua volta também ficarão, principalmente seu filho.

Uma última mensagem: o único poder que você tem é o de escolher o que fazer neste momento. Escolha, na medida do possível, passar seu tempo de vida em atividades e com sentimentos que valem a pena.

Compartilhe também suas experiências e dicas de produtividade para mães empreendedoras aqui nos comentários! :)

Um grande abraço!

bool(false)
É Coach de Carreira para desenvolvimento de pessoas e negócios criativos, e compartilha conteúdos através do seu site Joludwig. Acredita que todos estamos conectados e que compartilhar nossas experiências faz parte do ciclo da vida.

Veja mais posts deste autor.

3 comentários

  1. Demais, Jo, já te ouvi falar muito sobre essas coisas, mas parece que ler novamente coloca muitas idéias no lugar. É sempre bom rever e repensar conceitos. Obrigada, mais uma vez!

  2. Lucília nascimento

    Olá jo abri a minha loja virtual , mas não deu certo ainda preciso criar mais vou dar uma cara nova pra mim e para minha loja virtual, hoje trabalho fora não que eu goste mais a necessidade falou mais alto o tempo todo estou vendo o que vou fazer más com sua dicas não vou parar criar sempre. Beijo Lucília

  3. Amei as dicas, estou passando exatamente por esse momento, com uma pequena de 1 ano e 9 meses, que está o tempo todo querendo atenção. Já estava querendo desistir de trabalhar em casa. Mas vejo que me falta priorizar as coisas.