Home | Receitas | Doces | Faça papinhas com frutas tropicais para o seu bebê

Faça papinhas com frutas tropicais para o seu bebê

papinha-doce-receita

A partir do sexto mês seu filhote descobre o maravilhoso mundo dos alimentos! Os novos sabores chegam com os sucos, e em seguida é a vez das papinhas doces e salgadas. Então, que tal aproveitar as frutas da época e fazer deliciosas papinhas doces para seu bebê? Testamos três receitas de papas que podem ser servidas como sobremesa ou um lanche da tarde. Todas muito fáceis de fazer, veja só:

papinha_damasco2

Papinha de damasco e laranja

5 damascos secos
Suco de 1/2 laranja

Lave e pique os damascos. Bata-os no mixerou no liquidificador juntamente com o suco de laranja. Não bata demais. Deixe pedacinhos do damasco para a criança sentir a textura. Aliás, isso é válido para qualquer papinha.

Por que é bom?

Rica em vitamina A e ferro, o damasco combina bem com a laranja, já que a vitamina C presente na fruta ajuda no processo de absorção do ferro pelo organismo do bebê.

papinha_goiaba

Papinha de banana, pêra e goiaba

1 banana
1/2 pêra sem casca
1/2 goiaba vermelha sem casca (retire as sementes antes de servir)

Amasse com um garfo todas as frutas e misture-as. Essa salada de frutas amassadinha é uma delícia!

Por que é bom?

A goiaba é riquíssima em vitamina C e antioxidantes, o que ajuda a fortalecer a imunidade. Além disso, contém vitaminas do complexo B e minerais como cálcio e ferro. Seu filho está constipado? Deixe para testar a receita quando o intestino normalizar.

papinha_manga

Papinha de manga

1 manga inteira cortada em cubos

Cozinhe em panela com tampa e fogo baixo a manga, até que ela comece a amolecer. Desligue o fogo, espere esfriar e, se necessário for, amasse os pedaços maiores com o garfo.

Por que é bom?

A manga é rica em vitamina C e betacaroteno – ou pró-vitamina A. É também rica em fibras e fonte de vitamina E.

 Dicas para a introdução dos alimentos:

– Observe a reação do organismo do bebê nesse período inicial. Ofereça as papinhas de frutas em quantidades pequenas, e aumente conforme o organismo da criança vai se acostumando. Até o nono mês, não é necessário oferecer mais que uma xícara de papinha para o bebê.

– A introdução dos alimentos é uma fase muito importante, pois é aí que o bebê exercita a mastigação. Evite sopas ou papas muito líquidas ou batidas demais. Pedaços de frutas e legumes (bem molinhos ou cozidos) são fundamentais para o exercício da mastigação.

– Escolha com muito critério os alimentos que serão utilizados para fazer as papinhas. Observe se as frutas (ou legumes) estão em perfeitas condições, sem pontos escurecidos ou amassados. Lave muito bem os alimentos antes de prepará-los para eliminar ao máximo sujidades e agrotóxicos que possam existir. Se puder, opte pelos orgânicos.

– Cozinhe os alimentos em panela tampada e fogo baixo. O cozimento lento ajuda a preservar os nutrientes dos alimentos.

Aproveite e conheça os kits papinhas, babadores e fraldas para boca no Elo7!

Tem alguma receita de papinha que seu bebê adora? Compartilhe com a gente aqui nos comentários!

string(159) "https://www.elo7.com.br/campanha/top-cozinha?mktSort=plusCurated&utm_medium=carrossel&utm_content=lista_festa_doces&utm_campaign=carrossel_receitas"
Nutricionista de profissão e crafter de coração. Mãe da princesa Maria Alice. É boa de garfo, ama música e não resiste a um garimpo de decor. Cria os acessórios da Flor de Cris e da A Decoradeira. Sempre indecisa, na dúvida acaba levando os dois.

Veja mais posts deste autor.

2 comentários

  1. Priscila Gil

    Gente, introdução de sucos antes de um ano não é legal! Prefiram sempre frutas in natura! Mamães, informem-se!!! Temos muitos artigos falando sobre o suco, sobre a ingestão de açúcares, cabe a cada mãe procurar em fontes confiáveis sobre a introdução alimentar de seu bebê! Pra mães que amamentam, só pensar que o suco toma o lugar do leite e que como fonte de nutrientes é muito mais pobre do que o leite e isso pode comprometer o ganho de peso do bebê!

    • Cris Oliveira

      Olá Priscila! Muito importante sua observação! Segue a recomendação do Ministério da Saúde:
      “O consumo de suco natural deve ser limitado e, se for oferecido, em pequena quantidade, após as refeições principais para ajudar a absorver melhor o ferro inorgânico. Porém, os sucos não devem ser utilizados como uma refeição ou lanche, por conterem menor densidade energética que a fruta em pedaços.”
      Mais informações nesse arquivo do Ministério da Saúde: http://189.28.128.100/nutricao/docs/geral/enpacs_10passos.pdf