Home | Manual de técnicas artesanais | Corte e costura de roupas: atual ainda hoje

Corte e costura de roupas: atual ainda hoje

Se tem uma técnica artesanal que existe desde os primórdios da humanidade e continua em alta e imprescindível ainda hoje é o corte e costura de roupas. Em todas as sociedades, o homem e a mulher usam vestimentas, com diferentes estilos e costumes e a sua criação marca época e tendências. Vamos ver mais sobre essa técnica de costura?

Corte e costura de roupas desde a pré-história

corte e costura de roupas

Desde os primórdios, corte e costura foi a solução da humanidade para a confecção de vestimentas para lhe proteger do frio ou calor. A costura foi o modo artesanal que o homem achou de poder confeccionar seu vestuário, algo imprescindível para o dia a dia. Tanto para proteção, como para se diferenciar e mais pra frente para exprimir personalidade e hábitos.

Como todos sabemos, as primeiras vestimentas foram confeccionadas com pele de animais, já que os homens usavam o que tinha ao seu redor para a criação. E a caça de animais foi uma das primeiras atividades, seguida da pecuária. A criação de animais facilitou esse ofício. Daí surgiu a extração de materiais de origem animal que deu a possibilidade de criar, por exemplo, as agulhas. As primeiras agulhas foram criadas com ossos, marfim ou pedras há mais de 30 mil anos.

Primórdios da costura

Com o passar dos anos, mais atividades e invenções da humanidade foram aprimorando o corte e costura de roupas. Entre essas, a tecelagem, técnica de entrelaçar fios a fim de criar tecidos, também possibilitou avanços. E isso data de mais de cinco mil anos atrás. Na época que a tecelagem era feita com pelos e couro de animais de caça ou cultivados.

+ Encontre mais detalhes sobre a tecelagem manual nesse post.

No início, a técnica usada para criar roupas era usada para uso próprio e núcleo familiar. Porém, na Idade Média esse ofício se tornou parte do comércio. O corte e costura de roupas passou a ser uma atividade lucrativa e concorrida. Afinal, nessa fase, as roupas já não eram mais apenas usadas para simples proteção, mas sofisticação e status social.

+ Moda está entre seus assuntos favoritos? Veja nossos destaques.

É importante destacar em sua história que a costura teve um caráter artesanal até a Revolução Industrial. Com as mudanças da época, a costura se tornou possível em escala industrial. Foram criados nesta fase maquinários que eram capazes de produzir mais que os alfaiates e assim se iniciou a moda em produção em série.

+ Em busca de tecidos para suas criações? Ache nesta seleção.

+ Produtos criativos relacionados à técnica de corte e costura no Elo7.

Corte e costura de roupas hoje em dia

Por mais que exista a indústria da moda e a produção em larga escala para grandes marcas, a técnica do corte e costura tradicional, feita sob medida e customizada continua com grande importância. Os primeiros moldes e peças pilotos até mesmo de grandes confecções são manuais. A importância da costureira e estilista neste processo é enorme.

Há também grande procura por cursos nesta área e as costureiras amadoras que querem fazer seus próprios modelos hoje estão crescendo. Além do trabalho, claro, dos alfaiates e costureiros. Eles fazem reparos e são fundamentais para a manutenção do guarda-roupa.

bool(false)
Com antena ligada para novidades e tendências 7 dias por semana, paulistana vivendo em Ilhabela, é produtora de conteúdo criativo freelancer há seis anos, formada em Publicidade e Propaganda na ECA-USP, com especialidade em mídias digitais pela FGV. Autora do blog Colacorelinha , redatora do Blog do Elo7, gerenciadora de marcas na web e fã convicta de suculentas e sua força.

Veja mais posts deste autor.